Por: Vitor Vizzotto

Veja como o Palmeiras de Marcelo Oliveira jogou contra o River Plate-URU, na primeira fase da Libertadores. A movimentação necessita ser mais ofensiva, mas creio que o técnico Cuca mudará estes parâmetros de jogo.

Já no gráfico a baixo, vemos que os passes foram 304 a favor e 34 contra, ou seja, erramos poucos passes nesta primeira partida. Porém, tudo isso cai por terra quando se depende de outros times para passar de fase.

Trouxe estes gráficos para vocês, para refletirmos taticamente a evolução do time. Na terceira partida, contra o Nacional, tivemos a posse de bola, mas não conseguimos finalizar e perdemos. Depois teve uma queda com relação a posse de bola e toque de bola.

O que Cuca deve fazer, é o mesmo que fazia no Atlético Mineiro, quando foi campeão da liberta. Manter o time com a bola no ataque e ser agudo nas finalizações. As duas linhas de quatro propostas, poderão ajudar neste momento. Como jogaremos em casa, devemos jogar pra frente e conseguir o resultado.

Gráficos TA
Gráficos: Footstats

MATEMÁTICA

Para passarmos de fase, precisamos torcer para o Nacional ganhar do Rosário Central. Ou o Nacional ganha ou estaremos fora, pois o time da Argentina tem 8 pontos e se eles empatarem não adianta de nada para o Palmeiras, que tem 5 pontos hoje.

O verdão ganhando, iremos para 8 pontos, empatando com o Rosário, mas ainda sim passaríamos, pois com um resultado de 2 a 0 para o Nacional, o saldo de gols dos argentinos cai e nós passamos.

A imagem à baixo explica melhor a questão dos resultados:

IMG_3240

Agora é torcer, vibrar e esperar que ganhemos bem do River que já está eliminado! Nós acreditamos e vamos apoiar vocês jogadores! Estamos juntos, até o final, até a vitória!

FORZA PALESTRA!

Deixar uma resposta