Por: Nicola Ferreira

Difícil de assistir. Dessa forma podemos explicar a partida entre Palmeiras e Ponte Preta ontem no Moisés Lucarelli.  Os times até tentaram apresentar um bom futebol , mas o lamaçal que virou o gramado do estádio campineiro não deixou as equipes jogarem. O resultado de 0 a o foi justo levando em conta as poucas chances de ambas as equipes.

O Verdão teve uma boa atuação considerando o estado da grama, de maneira até mesmo milagrosa a equipe conseguiu movimentar bem a bola, principalmente quando Lucas Lima estava com ela nos pés. O meio-campista conseguiu em vários momentos colocar  os atacantes em boas posições para finalizar, entretanto os zagueiros ponte-pretanos e até mesmo a lama não deixavam as finalizações acontecerem.

Difícil destacar algum jogador do Palmeiras que teve uma boa apresentação, os dois melhores foram sem dúvida, Jaílson e Marcos Rocha.

Jaílson teve 2 excelentes defesas em chutes do lateral Orinho, fora essas duas jogadas e um chute na trave do mesmo Orinho, o goleiro não trabalhou muito. O arqueiro do verdão teve mais uma partida tranquila e se consolida como titular no elenco alviverde. Calando as críticas que sofreu essa semana. Com esse empate, ele chega na 29ª partida sem derrota.

25477427587_b4a1549441_o

HABEMUS LATERAL-DIREITO! Tudo bem, ainda está cedo para declararmos que Marcos Rocha é a solução definitiva, mas não podemos omitir o bom início de temporada que o lateral está tendo. Jogando bem no lado ofensivo do campo algo que já era esperado, o que surpreende é a forma como ele está jogando na defesa, com bons desarmes e boas coberturas. Na minha opinião o melhor jogador do Palmeiras ontem.

Ofensivamente o verdão teve vários problemas, William e Dudu tiveram quiçá a pior partida deles no ano. A única chance clara do verde foi o chute de Guerra que foi bem defendido pelo goleiro, Ivan

Já a defesa do Palmeiras não encontrou dificuldades, também porque não trabalhou muito, já que a Ponte não chegava ao ataque. O único problema que ainda encontro na defesa é a abertura de espaços, que possibilitam o arremate de longe do adversário como no caso dos três chutes de maior perigo para o time de Campinas.

O Palmeiras continua invicto e líder com folga do grupo C com 20 pontos.

FORZA PALESTRA

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s